terça-feira, 19 de abril de 2016



De 11 a 15 e abril, aconteceu na Universidade Federal de Santa Catarina – Ufsc, a II Semana Acadêmica de Biblioteconomia, com o tema “Biblioteconomia Social: a competência informacional e a mediação à leitura”, que reuniu profissionais, acadêmicos e professores numa discussão rica sobre as inovações disponíveis para a atividade, bem com o novo perfil que se constrói acerca deste profissional. O encontro trouxe a reflexão sobre a importância do bibliotecário como educador e agente de transformação social. Bombinhas foi representada pelas profissionais que atuam na Biblioteca Pública Municipal Cruz e Sousa, Patrícia Vilma Pinheiro da Silva, bibliotecária, e Jane Doroti Rau, agente administrativo.
Segundo a bibliotecária Patrícia as novas mudanças nos suportes informacionais e na diversidade dos serviços prestados pela área da biblioteconomia ocasionou um processo que exigiu uma mudança no perfil do profissional bibliotecário. “O perfil tecnicista é a meu ver o menos importante no fazer bibliotecário, nós precisamos estar preparados para lidar com pessoas em diferentes espaços, não nos limitando ao ambiente da Biblioteca”, que por sua vez, continua a bibliotecária, “necessita oferecer serviços diferenciados para a comunidade, não se limitando aos empréstimos de livros”.
Essa reflexão e a busca de alternativas para tornar a Biblioteca um organismo vivo na comunidade, é o que as profissionais bombinenses trouxeram do encontro, numa motivação singular.

Para a Biblioteca Pública Municipal Cruz e Sousa o ano de 2016 trouxe conquistas significativas: o aumento do acervo à disposição da população e uma bibliotecária na condução de seus trabalhos.