sexta-feira, 3 de junho de 2016


Na quarta-feira dia 25 de junho, véspera do feriado de Corpus Christi, foi realizada mais uma aula do curso de Produção e Gestão Cultural, oferecido pelo Colegiado de Cultura da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí – Amfri, em parceria com a Univali, através do Grupo de Pesquisa Turismo, Espaço e Sociedade, Ensino e Extensão do Programa de Pós-Graduação em Turismo e Hotelaria

Apresentação de Navegantes
Esta aula merece o destaque porque foi a primeira apresentação de trabalhos que os alunos realizaram. A proposta foi que cada equipe mostrasse o seu “olhar” sobre cada município, e a partir daí pensar em propostas plausíveis de serem executadas. São oito equipes compostas pelos municípios: Penha, Itajaí, Navegantes, Luiz Alves, Itapema, Porto Belo, Bombinhas e Balneário Piçarras, que além destas apresentações, trabalham juntos até o final do curso em novembro.

Segundo a professora Yolanda Flores e Silva, coordenadora do curso, a ideia das apresentações era simples: como cada representante vê o seu município, o que sabe sobre ele é o que considera importante resgatar. “Agora entramos em uma etapa de práticas. Vamos começar a pensar em uma proposta de ação naquilo que considerarem mais 'carente' no município. Ou seja, vamos fazer uma proposta sociocultural em cada município. Esta proposta deverá ser em uma área Cultural do município que esteja com problemas a serem resolvidos”, ressalta a professora.
Apresentação de Itapema

A assessora de Turismo e Cultura da Federação Catarinense de Municípios – Fecam, Raquel Pedroso Rodrigues, participa do curso a convite da Amfri para acompanhar, segundo Raquel, essa boa prática e quem sabe levar ao âmbito estadual no futuro. “O colegiado de Cultura da Amfri têm se destacado no cenário estadual pela organização de seus gestores em seus municípios, trabalhando os Planos Municipais de Cultura e os elementos que o compõem. Essa capacitação conjunta entre gestores e os atores que vivem a cultura é uma iniciativa louvável da associação, pois aproxima, ainda mais, os agentes, produtores e gestores culturais onde de fato tudo acontece que é na cidade de cada um”, destaca Raquel.
Apresentação de Itajaí


A coordenadora do Colegiado de Cultura da Amfri, Jeanete Fagundes, explica que o desenvolvimento econômico regional da associação é comprometido com a valorização dos segmentos da população local que possuem “o saber ser e o saber fazer tradicional”, que perpassa por todos os patrimônios, quer sejam imateriais ou materiais. O colegiado objetiva discutir, planejar e construir políticas e desenvolver ações destinadas à promoção da cultura, o que justifica a iniciativa da parceria com a Univali neste curso. “A vivência da última aula foi bem enriquecedora, naquele momento o aprendizado ocorria de maneira prazerosa, e pudemos perceber que o nosso curso veio preencher esta lacuna, formando profissionais qualificados, capazes de atuar no campo cultural de modo consciente, compreendendo a Cultura como uma construção coletiva, sabendo que, ao lidarem com a produção cultural, estão criando os paradigmas da percepção social”, enfatiza Jeanete.