terça-feira, 28 de junho de 2016


Os giros pela península seguem levando os diferentes conteúdos que formam a efervescência da cultura bombinense e regional através do acontecimento Pirão Cultural, um encontro de saberes, sabores e prazeres, que neste mês de junho aporta no bairro Sertãozinho. Quem abre as portas para mais uma noite de conhecimento, arte e degustação gastronômica é o já consagrado parceiro da Fundação Municipal de Cultura de Bombinhas, Ponto de Memória Museu Comunitário Engenho do Sertão, em parceria com a Associação Cultural Zé Amândio, às19 horas, na última quinta-feira do mês, dia 30 de junho.

O tema reservado para este mês é sobre as heranças culturais indígenas e quem vem debater esta importante característica da identidade cultural local, é a professora Helena Alpini Rosa, Mestre em História Cultural e finalizando o Doutorado em História Cultural pela Ufsc, com pesquisa em etnohistória com o povo Guarani, técnica licenciada da Secretaria de Estado da Educação e bolsista do Observatório da Educação/CAPES/DEB/INEP. O tema da palestra da noite é “Os indígenas ontem e hoje: tradições culturais que se ressignificam”.

E para abrilhantar ainda mais esta noite especial, o Pirão Cultural conta com a intervenção artística da atriz Sandra Baron, da Cia de Teatro homônima, que faz um passeio pelos “Contos da Ilha da magia”.
A FMC comunica a todos que as inscrições para a quarta edição de 2016 do Pirão Cultural estão abertas, devem ser efetuadas pelo telefone (47) 3264-7478 ou pelo blog www.culturabombinhas.sc.gov.br, gratuitamente.

O quê: Pirão Cultural de junho com o tema “Os indígenas ontem e hoje: tradições culturais que se ressignificam”
Palestrante: Professora Helena Alpini Rosa – Mestre em História Cultural e Doutorando em História Cultural, ambos pela Ufsc, pesquisadora em etnohistória com o povo Guarani.
Quando: 30 de junho, quinta-feira, às 19 horas
Onde: Ponto de Memória Museu Comunitário Engenho do Sertão, Rua Abacate, 452, Sertãozinho.
Inscrições: pelo telefone (47) 3264-7478 ou através do blog www.culturabombinhas.gov.br.
Custo e classificação: Livre