segunda-feira, 17 de abril de 2017

Álvaro Dalmagro

Na segunda-feira, dia 10 de março, o Conselho Estadual dos Gestores Municipais de Cultura de Santa Catarina – Congesc, realizou sua primeira reunião do ano na sede da Federação Catarinense de Municípios – Fecam, em Florianópolis, conduzida pela presidente, a secretária de Cultura de Chapecó Roselaine Vinhas, e mediada pela assessora em Turismo e Cultura da Fecam, Raquel Pedroso Rodrigues. A presidente da Fundação Municipal de Cultura de Bombinhas, e também presidente do Colegiado de Cultura da Amfri, foi eleita presidente do comitê gestor para o biênio 2017/2018, tendo como vice o gestor de Passos de Torres, Jaime Luis Batista, presidente da Amesc. Nívea Maria ressaltou o desafio de trabalhar com realidades diferentes com a junção de todos os municípios de Santa Catarina no Conselho: “são 20 regiões reunidas no Conselho, tem cidades de dois mil habitantes, até grandes metrópoles, que é o caso de Joinville e Florianópolis, por exemplo. E todos esses municípios têm espaço dentro do Conselho, trabalhar a qualificação da gestão cultural em realidades tão diferentes é um grande desafio”, destaca a presidente do Congesc.
Álvaro Dalmagro
A pauta, ainda contou com o debate acerca da situação dos municípios no Sistema Nacional de Cultura – SNC, e as ações da Fecam, associações e do próprio Congesc para implementação do SNC nos municípios. O estado catarinense ocupa uma posição de destaque se comparada aos demais estados da federação, no entanto, muitos municípios têm documentações pendentes para a efetivação da adesão ao SNC, e outros sequer iniciaram os procedimentos de adesão. Ficou estabelecido que a Fecam e as associações de municípios farão o contato individualmente com os municípios que ainda não aderiram ao SNC e auxiliarão para que os mesmos tomem as devidas providências, em caso de os municípios concordarem com a adesão.
Outra ação importante foi a realização de uma análise das 20 regiões do estado, de acordo com a divisão por associações, para verificar quais ainda não possuem o colegiado regional de cultura e definidas ações para reverter o quadro. A pauta ainda contou coma discussão sobre a revisão do Regimento Interno da entidade, com definição dos pontos a serem alterados, mas esta efetivação serão realizadas na próxima reunião, no intuito de ampliar a discussão das alterações durante o VII Fórum Catarinense de Gestores Municipais de Cultura, que acontece de 10 a 12 de maio, em Treze Tílias.
Comitê gestor 2017/2018:

Presidente: Nívea Maria da Silva Bücker – Município de Bombinhas (Amfri)
Vice-presidente: Jaime Luis Batista – Passo de Torres (Amesc)
Secretário: Juarez Fogaça – Cocal do Sul (Amrec)
Secretária-adjunta: Viniane Bueno – Canoinhas (Amplanorte)
Coordenador de comunicação: Adilson Figueiredo de Andrade – Rio Negrinho (Amunesc)
Coordenador de formação: Oladimir Odi Rese – Ipira (Amauc)