quarta-feira, 3 de maio de 2017



Após festival de dança europeu Sofia Lessa retorna para casa com currículo cheio de experiências e aventuras no ballet clássico e contemporâneo.

Entre os dias 19 e 23 de abril a bailarina bombinense Sofia Lessa, aluna do Projeto Oficinas Culturais da Fundação Municipal de Cultura, participou da 19ª Edição do Festival Norte de Dança mo Mercado Ferreira Borges, na cidade de Porto em Portugal. O festival contou com mostras de dança competitivas e não competitivas, com bailarinos a partir de cinco anos nos estilos ballet, contemporâneo, Jazz, danças urbanas, danças populares, sapateado, música e dança, livre e gala produção.

A pequena Sofia competiu com mais 25 bailarinos na categoria Ballet solo pequenos bailarinos, de cinco a 12 anos, que agregou meninos e meninas. Sofi ficou com a 20ª colocação em sua categoria e na 179ª no geral, com uma nota bastante exitosa 131 (a média era 71). “O nível dos competidores da categoria ballet era altíssimo e foram as maiores notas de todo o Festival”, comenta Josiani Muriel da Silva, coordenadora do Projeto Oficinas Culturais e mãe de Sofia.

A organizadora do acontecimento, professora Margarida Isabel Martins, explica que a seleção foi por meio de vídeos enviados que chegaram ao montante de 1500, dos quais, através de rigorosa escolha, 973 foram selecionados para participarem do festival. “Estamos muito contentes e orgulhosos de todos os participantes de Festival Norte Dança 2017, queremos agradecer a todos por acreditarem e terem tornado possível este evento”.
No total participaram 56 grupos/escolas de Portugal, Brasil, França e Espanha. O grupo brasileiro provinha de São Paulo e Santa Catarina, sendo Bombinhas a única cidade catarinense no festival. Os primeiros classificados em cada estilo ganharam o Prêmio Salto Fest Dance – Brasil, passe oficial para o World all Dance International Orlando 2017 para o primeiro, segundo, terceiro lugar de cada estilo e nível do Festival Norte Dança.

Sofia Lessa retorna com uma bagagem de experiência altíssima, após ter dançado com bailarinos estudantes de academias renomadas, alcançado uma nota invejável e com apenas 10 anos ter em seu currículo a participação de um festival consagrado como o Norte Dança. Um dos jurados foi o brasileiro Eder Cardoso que somou o coro de críticos de dança e profissionais que elogiaram a desenvoltura da bailarina bombinense. Ainda, teve a oportunidade de participar de workshop de ballet clássico, jazz, dança contemporânea e Brodway com conceituados professores.

A bailarina foi acompanhada pela mãe e coordenadora do Projeto Oficinas Culturais Josiani Muriel da Silva, pela coreografa e professora de dança das oficinas Jéssica Delgadinho, pela monitora de dança do Projeto Maria Eduarda da Silva e demais familiares. Para ir ao festival Sofia contou com apoio da Prefeitura de Bombinhas, do Sicredi, da Imobiliária Morar, de familiares, amigos e comunidade bombinense em geral que colaboraram por meio de um livro ouro e uma ação entre amigos. Os demais integrantes da comitiva bombinense custearam suas despesas.