segunda-feira, 29 de maio de 2017


Tarde chuvosa reúne alunos, amigos e familiares em torno de mesa farta na Associação Cultural Zé Amândio.

As atividades na Associação Cultural Zé Amândio inciaram no mês de maio com o Projeto Casa Escola, e neste domingo, 28 de maio, a sede improvisada na casa da presidente e fundadora da instituição, Fernanda Nadir da Silva, foi cenário de mais um Café da Casa Escola, que reuniu alunos, amigos, familiares e associados em plena tarde chuvosa, mas com muito calor humano.

Mais de 60 pessoas se deleitaram com as guloseimas preparadas pelos voluntários da entidade, o encontro é o primeiro do calendário de eventos anual da Associação Zé Amândio que completou 10 anos no dia 27 de maio, e, também contou com a visita da “Vó Ana Francisca”, personagem da atriz e bonequeira Sandra Baron. O Projeto Casa Escola tem cinco anos e contempla 15 alunos diretamente, oriundos de bairros diferentes, e seus familiares indiretamente, que sempre acabam participando de alguma atividade. Recebe desde 2014 recurso municipal, mas passou dois anos somente com ajuda de voluntários. E trabalha com as crianças aulas de música, teatro, artesanato e audiovisual com enfoque na cultura tradicional.

A presidente Fernanda Nadir, a Nanda, fala que o melhor de tudo no trabalho da associação é a reunião de pessoas. “Tirar as pessoas de seu lugar e reunir em prol de alguma coisa é muito legal. Tudo dá muito trabalho e ai da gente se não tem as pessoas ao lado. Há cinco anos começamos bem pequeninos e olha como crescemos! Até já precisamos de um espaço maior”, salienta Nanda, o projeto recebe o nome Casa Escola justamente por funcionar na casa da presidente, que sonha com uma sede própria num futuro próximo.

Atualmente a Associação Zé Amândio tem um projeto de audiovisual em andamento, com recurso oriundo do Fia, e foi contemplada no edital Mestra Elza Rosa, da Fundação Municipal de Cultura, para executar ações de salvaguarda do patrimônio cultural.

A eleição para a diretoria do biênio 2017/18 que aconteceria, também, neste domingo foi adiada para quarta-feira, dia 7 de junho, às 18 horas, na sede da instituição. O próximo evento será a “Festa da roça”, no dia 23 de julho, no Museu Comunitário Engenho do Sertão.