quarta-feira, 19 de julho de 2017


Sagrado Coração de Jesus é carregado nos braços pela Comunidade de Nossa Senhora dos Navegantes, um momento histórico regado a fé e emoção.

Nos dias 14, 15 e 16 de julho a Comunidade de Nossa Senhora dos Navegantes festejou seu Co-Padroeiro, o Sagrado Coração de Jesus, num festejo que une fé, devoção, louvor, história e memória, em celebrações e coroação. Representantes dos Apostolados da Oração dos bairros de Zimbros, Bombas e Canto Grande, além da comunidade anfitriã, emocionados se reuniram em Bombinhas que celebra a 68ª edição da festa.

Em 1949 foi entronizada a imagem do Sagrado Coração de Jesus na Capela de Nossa Senhora da Imaculada Conceição (igrejinha do morro do cemitério), no dia 11 de agosto, e neste mesmo ano foi realizado o primeiro festejo em sua honra. Na época a primeira presidente foi dona Maria Tomázia dos Santos, avó da atual presidente do Apostolado da Oração da Comunidade de Nossa Senhora dos Navegantes, Irene Melo da Silva. Além de dona Maria Tomázia, são membros fundadoras dona Maria Rita Flor, Maximilia Félix, Maria Joana, dona Cizina e dona Anastácia, um misto das senhoras dos bairros de Bombas e Bombinhas. Segundo dona Irene, a primeira bandeira do Apostolado ainda hoje cumpre uma função importantíssima na comunidade: adorna os caixões dos associados em sua última homenagem.

Diante desse histórico de existência o 68º festejo não poderia passar sem uma comemoração a sua altura e, também a comunidade já se prepara, tanto em oração, quanto em ideias, para o septuagésimo aniversário em 2019.

O domingo, terceiro dia do festejo, iniciou com Santa Missa, em seguida almoço no salão paroquial, às 14 horas foi rezado o Santo Terço e logo após os fiéis seguiram em Procissão pela Av. Vereador Manoel José dos Santos, retornando pela estrada em virtude da maré alta na praia, vivenciando um momento único de adoração e exaltação.

Regina Tereza Mafra acompanhou todo o festejo e fala da importância para a comunidade a dedicação ao Sagrado Coração: “achei tudo muito bonito, é visível que essa festa junta mais o povo de Bombinhas, Nossa Senhora dos Navegantes é tão importante quanto, porém, por ser um período de verão muitas pessoas não conseguem se fazer presente. Então, esse momento de nos encontramos é muito bonito”, enfatiza Regina.

Na missa de domingo o pároco local, Padre Silvano de Oliveira, sugeriu a comunidade que a data do terceiro final de semana de julho seja fixada no calendário religioso da Paróquia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição, para o festejo do Sagrado Coração e ressalta o envolvimento cada vez maior da comunidade nas comemorações. “A participação é muito importante para resgatar sempre mais a devoção ao Sagrado Coração e creio que aumentou o número de pessoas em comparação aos anos anteriores, no envolvimento da festa, nos trabalhos, a própria preocupação em fazer algo característico da comunidade”, destaca Padre Silvano.


No final da tarde as associadas do Apostolado da Oração realizaram um bingo e desta forma, o festejo encerrou com uma grande confraternização.