terça-feira, 26 de novembro de 2019




O maior festejo da cultura açoriana da América Latina realizado em Penha, contou com a participação de 95 pessoas na comitiva bombinense.


Entre os dias 22 e 24 de novembro, final de semana último, foi realizada em Penha a 26ª Festa da Cultura Açoriana de Santa Catarina, a maior da América Latina, e como sempre acontece, a Fundação Municipal de Cultura participou ativamente com estande nos três dias. No sábado, no desfile etnográfico o pelotão bombinense formado pela equipe da FMC, o Grupo de Boi de Mamão Eira meu Boi, as rendeiras do Projeto Vô Sabe, Vô Ensina, o Grupo Folclórico Mixtura e a Comitiva do Divino Espírito Santo, levou pelas ruas de Penha orgulhosamente o nome de Bombinhas.

O grupo Folclórico Mixtura subiu duas vezes no palco, na abertura do festejo e na noite de sábado, e o Grupo de Boi de Mamão Eira meu Boi no final da tarde de sábado, mostrando aos presentes o jeito de ser e fazer do folguedo local. Um momento ímpar e vibrante foi a intervenção feita no estande da Fundação pelos integrantes do Eira, inclusive com participação de outros grupos, como o projeto etnia nas escolas de Içara e o Boi de Mamão de Itapema Raiz da Terra, propiciando um intercâmbio muito significativo e produtivo entre os integrantes.

No domingo, 24 de novembro, foi realizada a Missa das Bandeiras e Folia do Divino Espírito Santo na capela histórica de São João Batista, na Armação do Itopocoróy, com a participação da Comitiva do Divino bombinense, o casal imperial de 2020 Eduardo Testoni e Joana Pinheiro, e as Bandeiras do Divino Espírito Santo das comunidades de Nossa Sra. dos Navegantes e São João Batista, e do Grupo Folclórico Mixtura.

Este ano o Açor contou com a participação de 40 grupos oriundos de 19 cidades. A 27ª Festa da Cultura Açoriana já começa a ser debatida pelo Núcleo de Estudos Açorianos – Nea, realizador do festejo junto ao município sede, e tem a saudável disputa entre as cidades de Imbituba e Governador Celso Ramos. A decisão será conhecida na última reunião do Conselho Deliberativo do Nea, no mês de dezembro.